25 agosto 2015

VAMOS ENTENDER O BOM SENSO?


Olá Amados!

Em meu último workshop uma pessoa levantou uma questão que considero interessante: o que é ter bom senso?

O bom senso é a capacidade do indivíduo de perceber as possíveis conseqüências de seus atos e assim fazer boas escolhas adotando o melhor comportamento em situações específicas, sempre respeitando os valores de todos os envolvidos. Quem age assim é uma pessoa sensata.

Não estamos falando do senso comum, em a pessoa adota critérios, normas e comportamentos idênticos ao grupo ao qual pertence sem refletir a respeito e sem medir as implicações.Fica sempre mais simples quando se exemplifica.

Bom senso é entender que se o trânsito está parado não adianta cortar a fila de carros pelo acostamento.

Bom senso é entender que as leis civis, tais como respeito ao patrimônio alheio e a vizinhança, são uma norma de conduta óbvia.
Bom senso é procurar ouvir o outro até o final, sem interromper na busca de revidar o argumento.

Bom senso é pegar emprestado e devolver. É aceitar a carona tomando o cuidado de não exigir trajetos. É só visitar alguém depois de ter agendado para garantir que a visita não seja inoportuna.

Bom senso é não fazer festinha até tarde da noite, não usar a água da mangueira para varrer a calçada, não estacionar em local proibido “só um minutinho” adotando a perspectiva abusada de que o outro tem obrigação de entender.

Bom senso é refletir sobre quanto minha atitude impacta sistemicamente o grupo ao qual pertenço. É buscar uma atitude consciente para não causar desconforto, prejuízo ou dor a ninguém.

Em suma, bom senso é ter respeito pelo próximo em todas as situações.

Aristóteles considerava o bom senso o elemento fundamental na conduta ética.

Vale pensar sobre isso!!!







18 junho 2015

MEDITAÇÃO COACH!!!!


Olá Amados!

Somos seres poderosos e temos potencial para evolução e felicidade. É isso: evoluir é uma meta e para os que se empenham a felicidade será a recompensa.

Para atingir a evolução o Planeta nos propõe como tarefa principal desenvolver nossas emoções e buscar o equilíbrio.

Na prática isso significa lidar com perdas, incerteza e vulnerabilidade, mas também aproveitar as inúmeras oportunidades, gerando habilidades, conquistando novas percepções e superando desafios. Assim estaremos aptos a ampliar nossa sensibilidade e nos tornaremos mais fraternos, mais amorosos, mais alegres e mais serenos.

Acredito que estados emocionais poderosos são fator fundamental para que possamos viver bem.

Pensando nisso trago hoje uma meditação inspirada em um exercício de PNL, chamado Estado COACH, sigla que em inglês significa basicamente um estado emocionalmente saudável e calmo, aberto, atento, presente, conectado e acolhedor. Imaginem os resultados de um indivíduo que desenvolve estas capacidades!!!

Quando a vida está tranquila é fácil manter a serenidade, mas como os tempos de adversidade e mudança são inevitáveis em nossa jornada terrena é fundamental preparar-se, buscando estratégias e práticas que nos ofereçam estrutura nos momentos em que sejamos postos à prova.

Utilizem essa meditação diariamente ao despertar ou sempre que forem vivenciar algum evento que considerem difícil em que percebam ser essencial manter o equilíbrio. Aguardem resultados incríveis, mas lembre-se, este é um planeta de aprendizados práticos, portanto o poder está no fazer.

Vamos ao exercício.

Sente-se posicionando seu corpo de forma confortável e feche os olhos.

Respire profundamente três vezes, inspirando e expirando pelo nariz. 

Comece observando a si mesmo e pergunte-se: quão centrado em mim mesmo sou?



Se você tivesse que dar uma nota de 0 a 10 para seu estado de centramento que nota daria?

Afirme a si mesmo com determinação: “Sou centrado”!

Então, convide sua mente a colaborar neste processo, encontrando dentro de si mesmo ou através de seu corpo formas de elevar o nível deste centramento ainda mais.

Volte a respirar profundamente três vezes, inspirando e expirando pelo nariz.

Observe novamente a si mesmo e pergunte-se: quão aberto sou?

Se você tivesse que dar uma nota de 0 a 10 para seu estado de abertura que nota daria?

Afirme a si mesmo com determinação: “Sou aberto”!

Então, permita que sua mente encontre dentro de si mesmo ou através de seu corpo formas de elevar o nível desta abertura ainda mais.

Volte a respirar profundamente três vezes, inspirando e expirando pelo nariz.

Observando a si mesmo mais uma vez pergunte-se: quão atento e presente sou?

Se você tivesse que dar uma nota de 0 a 10 para seu estado de atenção e presença que nota daria?

Afirme a si mesmo com determinação: “Sou atento e presente”!

Então, permita que sua mente encontre dentro de si mesmo ou através de seu corpo formas de elevar o nível desta atenção e presença ainda mais.

Volte a respirar profundamente três vezes, inspirando e expirando pelo nariz.

Observando a si mesmo mais uma vez pergunte-se: quão conectado sou?

Se você tivesse que dar uma nota de 0 a 10 para seu estado de conexão que nota daria?

Afirme a si mesmo com determinação: “Sou conectado”!

Então, permita que sua mente encontre dentro de si mesmo ou através de seu corpo formas de elevar o nível desta conexão ainda mais.

Volte a respirar profundamente três vezes, inspirando e expirando pelo nariz.

Observando a si mesmo finalmente pergunte-se: quão acolhedor sou?

Se você tivesse que dar uma nota de 0 a 10 para seu estado de acolhimento que nota daria?

Afirme a si mesmo com determinação: “Sou acolhedor”!

Então, permita que sua mente encontre dentro de si mesmo ou através de seu corpo formas de elevar o nível deste acolhimento ainda mais.

Permaneça neste estado de excelência emocional sentindo a experiência por uns minutos e então abra seus olhos e volte para sua rotina.

Paz e luz!

02 junho 2015

PAUSA "PRA" PROSA - EM BREVE!!!



ATITUDES ANTI-ESTRESSE!!!

Amados!

Tenho uma percepção de que a maior parte dos problemas orgânicos sofridos pelos seres humanos nessa nossa sociedade atual se deve a um processo emocional importante e nem sempre considerado, o ESTRESSE!

Hoje, o mundo nos oferece pouco descanso. O caos, principalmente nas grandes cidades, impede que tenhamos reais momentos de repouso.

Enfrentamos o trânsito, o barulho e a poluição e tudo isso já é considerado "normal".

Por isso decidi publicar este quadro informativo da International Stress Management Association com orientações básicas sobre como lidar com este problema, na busca de um equilíbrio para nossa mente e corpo.

Eu hoje deixei o consumo de carnes vermelhas em minha alimentação e, orientada pela minha nutricionista Dra. Kátia Marreiros, a substitui por outros elementos que oferecem os mesmos benefícios ma sei que muita gente ainda come e a orientação dada no quadro indica seu consumo.

Espero que vocês possam se beneficiar das sugestões e aplica-las ao seu dia-a-dia.

Beijo carinhoso!!!

31 maio 2015

REPROGRAMANDO A MENTE PARA O SUCESSO!



Amados!

Os seres humanos possuem um potencial imenso para a felicidade. Mas muitas vezes, vivem aprisionados a uma vida insatisfatória, sem entusiasmo ou prazer.

Em geral, as pessoas quando chegam ao meu consultório trazem queixas de impossibilidades em várias áreas de suas vidas. Desejam parar com vícios e afirmam não conseguir. Desejam prosperar profissional ou financeiramente mas alegam não saber como. Anseiam por relacionamentos mais felizes e se sentem aprisionados a relações desgastadas e vazias. Aparentemente, não tem poder para obter seus sonhos e metas. 

Posso afirmar, com segurança, que isso não é fato. Vamos refletir um pouco. 

Vivemos em um mundo de natureza próspera. A chuva não nos é ofertada em poucas gotas. As matas florescem em quantidade e quando o sol nasce derrama seus raios para todos de forma abundante. Mas então, o que pode impedir o ser humano, um ser natural, de partilhar dessa abundância?

Ao nascer somos inseridos em um contexto familiar onde receberemos valores fundamentais e desenvolveremos nossas crenças, a principal programação de nossa mente. Isso mesmo!

Se essas crenças forem limitadoras, que nos levem a acreditar na falta e na escassez, esse processo irá direcionar nossa energia mental para a manutenção do limite.

Aquilo em que colocamos nossa atenção fortalece a manutenção do conteúdo. Portanto se acreditarmos na falta, a mente na busca de atender nosso "desejo" irá realizar o bloqueio.

Ao logo do tempo, esse processo irá formar um "sistema de crenças", que  uma vez instalado no subconsciente influenciará nosso comportamento e consequentemente, nossos resultados. E como nossos comportamentos dependem diretamente do que pensamos e sentimos, eles serão mantidos até que nova instrução seja dada.

A boa noticia é que não precisamos ficar inevitavelmente presos a isso. O sistema de crenças pode ser alterado através do autoconhecimento, pela consciência sobre o processo e a criação de uma nova programação, baseada em crenças potencializadoras de capacidade e mérito.

O processo de alteração do sistema de crenças é a base do cunho terapêutico em Parapsicologia e é chamado de Reprogramação Mental

Pode ser feito de três maneiras:

Através da visualização – como seres humanos temos uma capacidade natural chamada criatividade e quando conseguimos criar um filme em nossa mente que, acreditamos e vivenciamos como real e possível, alteramos o que foi armazenado em nosso subconsciente. 

Através da quebra de paradigmas – quando ampliamos nossa percepção e buscamos modificar nossos comportamentos para viver as experiências diárias, essa prática enriquece nosso mapa mental e as possibilidades de sucesso são ampliadas.

Através de alteração dos padrões de linguagem com afirmações positivas consistentes - Palavras são a materialização do pensamento. Como nossos comportamentos dependem diretamente do nosso pensamento e sentimento, ao usar afirmações positivas estamos oferecendo a mente um reforço para que a ação mais adequada aconteça e com isso influenciamos diretamente o resultado.

Concluímos que as possibilidades são infinitas. O limite do que podemos fazer está em cada um. Não somos vítimas e sim responsáveis por nossa vida. O plantio e a colheita tem estreita relação.

A reprogramação mental oferece a oportunidade de modificação do padrão negativo permitindo assim que as infinitas possibilidades do Universo possam agir em nossas vidas.